Esportes

Fluminense sai na frente, mas cede empate em Salvador

Foto: Lucas Merçon/FFC

Em duelo com o Bahia na Fonte Nova, o Fluminense quase conseguiu a quinta vitória no Brasileirão. Na partida deste domingo, que marcava o retorno de Henrique Dourado, o time de Abel Braga chegou a sair na frente, com Wellington Silva, mas viu o time baiano empatar com uma finalização improvável, no fim do embate. O 1 a 1 manteve o Flu na sétima posição do campeonato, que vai medir forças com o Botafogo na próxima rodada. O clássico, o 13ª jogo do Tricolor no torneio, será disputado às 21h de quarta-feira, no Maracanã.

A partida

Sem vencer há seis jogos, o Bahia ensaiou uma pressão nos primeiros minutos de jogo, mas não conseguiu criar chances de gol. Seguro na defesa, o Fluminense demorou alguns minutos para equilibrar as ações. Quando o fez, aos 12 minutos, abriu o placar. Lucas desarmou Vinícius, foi até a ponta direita e cruzou rasteiro para Henrique Dourado, que tentou marcar de letra. A bola, levemente desviada pela defesa, se tornou um passe açucarado para Wellington Silva, que completou de direita para o gol vazio.

Nove minutos depois o Tricolor das Laranjeiras quase ampliou, mas, após se livrar do marcador e invadir a área pela esquerda, Calazans finalizou para a fora. A bola saiu com perigo, perto da trave direita de Jean. Em desvantagem, o Bahia se lançou ao ataque e criou três chances antes do intervalo. Em duas, o goleiro Júlio César realizou boas defesas, impedindo os gols de Régis e Renê Júnior, espalmando para fora as finalizações de fora da área.

Bem postado em campo, o Flu tentava explorar os contra-ataques, mas não conseguia encaixar uma boa troca de passes. Na melhor oportunidade do tricolor, Wellington Silva recebeu passe de Scarpa e, na direita da grande área, finalizou a bola na trave. No entanto, de forma equivocada, o árbitro assinalou impedimento do atacante. O confronto seguia e as equipes não conseguiam criar chances de gol, o que encaminhava a vitória do Flu. Até que, aos 39, em um chute improvável e indefensável, João Paulo igualou o placar.

Ficha Técnica

Bahia 1×1 Fluminense – Campeonato Brasileiro, 12a rodada – 09/07/2017, às 16h

Arena Fonte Nova (Salvador-BA)

Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza – (SP)

Assistentes: Daniel Paulo Ziolli (SP) e Daniel Luis Marques (SP)

Quarto Árbitro: Ricardo Pavanelli Lanutto (SP)

Árbitro Assistente Adicional 1: Leandro Bizzio Marinho (SP)

Árbitro Assistente Adicional 2: Rafael Gomes Felix da Silva (SP)

Fluminense: Júlio César; Lucas, Reginaldo, Henrique e Mascarenhas; Orejuela, Marlon Freitas e Gustavo Scarpa, Wellington Silva (Marcos Júnior, 19’/2ºT), Marcos Calazans (Maranhão, 29’/2ºT) e Henrique Dourado (Pedro, 24’/2ºT). Técnico: Abel Braga.

Bahia: Jean; Eduardo, Tiago, Lucas Fonseca e Armero (Gustavo Ferrareis, 29’/2ºT); Matheus Sales, Renê Júnior, Régis, Zé Rafael (João Paulo, 29’/2ºT) e Vinícius (Rodrigão, intervalo); Mendoza. Técnico: Jorginho.

Cartões amarelos: Henrique Dourado e Marcos Júnior (FLU); Lucas Fonseca, Matheus Sales e Armero (BAH

Gols: Wellington Silva, 12’/1ºT (0-1); João Paulo, 39’/2ºT (1-1)

Público: 18.267 pagantes

Renda: R$427.932,50.

Texto: Comunicação/FFC

Foto: Lucas Merçon/FFC

André Freitas

André Freitas

Radialista, 39 anos, escreve neste espaço todos os dias a qualquer momento.

Adicionar comentário

Click here to post a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Ouça no Celular